Escola Básica e Secundária Prof. Ruy Luís Gomes

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Departamentos Curriculares Ciências Sociais e Humanas Os alunos finalistas do Curso Profissional de Técnico de Turismo apresentaram a sua PAP

No dia 6 de julho os alunos do 12º D, do CPTT, tiveram a sua “prova de fogo” – apresentaram a sua Prova de Aptidão Profissional. Os projetos apresentados constituíam propostas de intervenção, dinamização e valorização do património natural, histórico e cultural dos concelhos de Almada e Seixal. Também não foi esquecida a necessidade de valorizar e divulgar os recursos, infraestruturas e atrativos turísticos de São Tomé e Príncipe.

Estiveram em apreciação propostas como: O Parque da Paz e o (re)conhecimento de que há vida(s) que os visitantes podem descobrir por aqui. O Ginjal que, apesar dos edifícios degradados, têm histórias para contar e podem ainda fazer história. A dinamização de eventos associados à fragata D. Fernando II e Glória, como forma de contribuir para a sua valorização e trazer mais turistas ao nosso concelho. A colocação de uma cápsula multimédia “ancorada” no Tejo como evidência da riqueza do nosso concelho, que urge tornar visível e  acessível. A partilha de experiências sensoriais numa caminhada pela Cova da Piedade. Dar a conhecer o património de Almada, aos turistas, através da articulação da rede de transportes públicos existente. Divulgar a gastronomia e vinhos da Região de Turismo de Lisboa, seja através de encontros desportivos, seja de viagens rio abaixo/rio acima, ou mesmo valorizando  os espaços de encontros de culturas (como por exemplo a cozinha comunitária das Terras do Lelo Martins). Divulgar o património de Almada aos pequenotes que passam férias em hotéis. A estas acresceram os projetos para valorização dos recursos naturais e património do Seixal: a recuperação do património industrial da península da Ponta dos Corvos e a consequente criação de um polo ambiental, assim como o reconhecimento que a variedade da fauna e da flora da Ponta do Mato pode ser explorada de forma lúdica, constituíram, também, objeto das propostas de intervenção turística apresentadas por estes 13 alunos.

A qualidade das propostas apresentadas, justifica poder afirmar-se que os jovens da nossa escola “têm olho” para o turismo, como atividade económica e de novas oportunidades de negócio, nos concelhos onde residem e na região de turismo onde se inserem.

Laranjeiro, 8 de julho de 2015

A coordenadora de curso: Helena Silva

Actualizado em Sexta, 10 Julho 2015 08:12